Veja cinco cuidados com seu cão ou gato durante os jogos da Copa
2 de julho de 2018
Exibir Tudo

Especialistas desvendam doença renal em cães e gatos durante encontro da Royal Canin

Mais de 200 veterinários estiveram no Fórum Internacional Royal Canin, com convidados dos EUA e França que desvendaram o tema nefrologia.

A Doença Renal Crônica (DRC) é considerada a principal causa de mortes em gatos acima de 5 anos e a 3ª para cães da mesma idade.

É progressiva, incurável e seu diagnóstico, muitas vezes, é realizado quando mais de 75% da função renal dos pets já está comprometida, momento em que os sintomas se tornam evidentes.

Para Gláucia Gigli, Diretora de Marketing da Royal Canin, o sucesso do encontro comprova o comprometimento dos profissionais na busca por conhecimento científico, compartilhamento de ideias e aprimoramento de seus negócios.

“O aumento pela procura de vagas para o Fórum demonstra que estamos no caminho certo e isso é muito gratificante para nós”, completa.

Esta é a segunda vez que a companhia investe no evento, que teve sua primeira edição no ano passado. Desta vez, reuniu alguns dos maiores especialistas no assunto:

 

  • Yann Queau, responsável pela área de Pesquisa & Desenvolvimento da Royal Canin na França, compartilhou conhecimento com os convidados sobre evidências e desafios de alimentar um paciente com doença renal, além de trazer novidades sobre os avanços no manejo nutricional em nefropatas.

 

  • Dr. Luciano Giovanini, presidente da CBNUV (Colégio Brasileiro de Nefrologia Veterinária), com informações detalhadas sobre “diagnóstico precoce e estadiamento dos pacientes portadores de Doença Renal Crônica”.

 

  • VCA, maior rede médica hospitalar para animais no mundo, foi representada por seus principais executivos. Os profissionais trouxeram um panorama sobre a história de sucesso da rede, dados de crescimento dos últimos anos.

 

Art Antin, John Van Wyk (Presidente da Royal Canin Brasil) e Todd Tams

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *