por Andrea Miramontes

Projeto de lei proíbe distribuição de animais como brindes

Não somos prendas nem brinquedos. Não somos mercadoria. Quando os humanos vão entender isso?

Para ajudar a cair a ficha das pessoas, foi protocolado um projeto de lei em São Paulo que proíbe a distribuição de animais vivos, bem como a exposição, manutenção, utilização e transporte dos mesmos em situações que provoquem maus-tratos.

Já conhece a página do Patas no Facebook?

Traduzindo: acaba com a farra do pintinhos, coelhinhos, peixes e outros bichos doados como se fossem brinquedos. As pessoas pegam, dão o bicho na mão de uma criança sem-noção sobre os cuidados, e o bicho acaba morto ou abandonado.

O Deputado Estadual Feliciano Filho (PEN51-SP) ainda colocou na lei uma multa de R$ 3.874,00 por animal distribuído como brinde ou transportados e exposto em estabelecimentos comerciais em situação precária.

A lei entra em tramitação esta semana na Assembleia Legislativa de SP.

Veja também

+ Husky siberiano se diverte como ninguém. Duvida? 

+ Cães resgatados à beira da morte têm transformação incrível

+ Loira demora a aprender como pegar petiscos

+ Salsichinhas amam a hora do banho!

 + Quer  xeretar o que rola na minha vida?

+ Curtiu o blog? Vire meu amigo no Facebook!

+ Espero você no Twitter

1 COMENTÁRIO

  1. Concordo plenamente: animais não são mercadorias. Então vamos acabar com a hipocrisia fechando as petshops que vendem filhotes, peixinhos etc…,fechar os leilões de gado e de cavalos e, por fim, proibir a venda de carne animal e o seu consumo, com multa para quem comprar, vender ou consumir. AH! Não gostou?? Claro! Coerência não é o seu forte….

Comentários estão fechados

Latest Posts

Youtube Patas ao alto

This message is only visible to admins.
Problem displaying Facebook posts.
Click to show error
Error: Server configuration issue

Mais recentes

Últimos LadoB Viagem